Raiva


Desejos que desnorteiam a razão
Deixam pensamentos no chão
Vontades desconcertantes
Inebriam meu semblante

Indecisos pensantes
Sádicos
Cínicos
Errantes

Bichos escrotos
Rotos
Vão se fuder.

Ricardo Pereira,
Recife, 24 de Julho de 2012, 23:19

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Desejo, poder, perversão.

O seu mundo é só seu

Luto, subterfúgio, passagem